Logística e Transporte

Quais são os riscos no transporte de cargas perigosas? Saiba como se prevenir

AIG oferece diversos seguros com cobertura ao motorista e terceiros, carga e reparação a danos ao meio ambiente
21 de setembro de 2021
Quais são os riscos no transporte de cargas perigosas? Saiba como se prevenir

Segundo dados do Plano Nacional de Logística, no Brasil mais de 60% das cargas são transportadas por rodovias. E boa parte delas são as chamadas “cargas perigosas”, que merecem especial atenção.

Em 2018, por exemplo, mais de 360 acidentes envolvendo produtos perigosos foram registrados nas estradas brasileiras. Ou seja: em média, praticamente um veículo transportando cargas perigosas se envolve em algum acidente diariamente.

Quando uma carga é considerada perigosa?

Segundo o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), são consideradas cargas perigosas todos os produtos que possuem origem química, radiológica ou biológica e que podem ser nocivos para a população, seus bens e ao meio ambiente.

Quais são os tipos de cargas perigosas?

As cargas perigosas são classificadas em nove categorias:

Sólidos inflamáveis

Como o enxofre, são substâncias que se inflamam em contato ou atrito com as chamas.

Líquidos inflamáveis

Produtos que entram em combustão sob altas temperaturas, como a gasolina, o óleo diesel e o álcool.

Gases

Se dispersam no ar com facilidade e, muitas vezes, não possuem cheiro ou cor, como o gás de cozinha, amônia ou cloro.

Materiais radioativos

São utilizados em áreas industriais e hospitalares. São necessários contêineres blindados para garantir que a radioatividade não se espalhe.

Peróxidos orgânicos e substâncias oxidantes

São produtos que podem causar incêndios por peróxido de hidrogênio ao liberar oxigênio.

Substâncias infectantes ou tóxicas

São produtos químicos capazes de provocar sérios danos à saúde, como os pesticidas.

Materiais explosivos

São substâncias capazes de produzir grande quantidade de gases e calor, como a pólvora ou nitroglicerina.

Substâncias corrosivas

Em seu estado sólido ou líquido, são substâncias que podem causar queimaduras ao entrarem em contato com a pele, como o ácido sulfúrico ou a soda cáustica.

Substâncias e itens perigosos em geral

A categoria engloba os produtos que não se enquadram nas demais classificações, como por exemplo as baterias de lítio.

Uma imagem que ilustra os tipos de cargas

Quais são os documentos obrigatórios para a circulação de produtos perigosos?

Para circular com produtos perigosos em território brasileiro, são necessários documentos específicos. Confira abaixo quais são exigidos:

Documentação do motorista

Carteira Nacional de Habilitação (CNH), Carteira de Identidade (RG), Documentação do veículo, Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV), Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam), Certificado de Conclusão do Curso de Transporte de Produtos Perigosos (TPP), Seguro Obrigatório, Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) e Certificado de Inspeção para o Transporte de Produtos Perigosos a Granel (CIPP).

Documentação da carga

Documento fiscal com as informações referente ao produto transportado, Declaração do expedidor dos produtos perigosos, Ficha de emergência, Envelope para transporte, Requisição de transporte, Licença de operação para viagens interestaduais, Certificado de Registro ou Licença de Funcionamento da Polícia Federal, Ficha de monitoramento da carga e do veículo rodoviário, Guia de tráfego.

Quais são os riscos de transportar materiais perigosos?

Os materiais perigosos representam risco para as pessoas e o meio ambiente, pois podem contaminar tanto humanos quanto animais, plantações, água ou solo. Quando o transporte é realizado corretamente e de maneira adequada, os riscos de acidente são reduzidos, mas nunca são nulos.

Na rodovia podem ocorrer acidentes, causando danos à carga e até mesmo provocar o seu vazamento e, dependendo do material transportado, provocar incêndios ou explosões. Mesmo que o material não seja inflamável, é perigoso haver intoxicação por parte das pessoas, bem como contaminação ambiental.

Tanto as cargas tidas como não perigosas, como grãos, leite, , sucos,materiais de construção, como aquelas classificadas como perigosas pela ONU, , a exemplo de gás natural, petróleo, sólidos ou líquidos inflamáveis e materiais corrosivos ou radiativos, apresentam riscos ambientais e, se tombadas, irão demandar providências e custos.

Problemas estruturais nas rodovias permanecem e o risco também. E a maior parte das rodovias do país está próxima de córregos e rios. Ou seja, a chance de um dano ambiental ocorrer, em caso de acidente, é alta. Além do prejuízo com o caminhão e a perda da carga, pode haver um custo considerável com os custos de remediação ambiental, .

A questão ambiental é cada vez mais levada em conta. E aqui estamos falando do ponto de vista da imagem da empresa. Clientes estão de olho nesse quesito e não contratam empresas negligentes. O consumidor, por sua vez, deixa de comprar e denuncia.

Quais são os treinamentos necessários para os motoristas?

Todo motorista deve conhecer os riscos que existem durante o seu trabalho e saber como se proteger. Para realizar o transporte de cargas perigosas é obrigatório que o condutor possua o certificado de conclusão do curso de transporte de produtos perigosos (TPP). Neste curso é ensinado ao motorista sobre:

Direção defensiva para veículos pesados

Capacitação para condutores de veículos pesados, visando minimizar os riscos de acidentes.

Legislação que se aplica a produtos perigosos

Importante para que o motorista conheça a regulamentação específica que trata de cargas perigosas.

Combate e prevenção a incêndios

Como boa parte das cargas perigosas são inflamáveis, é fundamental ter esse treinamento.

Movimentação e direção de produtos perigosos

Curso especializado para transporte de produtos perigosos, com o objetivo de qualificar e atualizar os motoristas deste segmento.

Infrações, legislações e sinalizações de trânsito

Assim como qualquer condutor, é necessário ter o curso teórico básico sobre a legislação brasileira de trânsito.

Uma imagem que ilustra um motorista de cargas apropriado

O que fazer caso algum acidente com carga perigosa aconteça?

Mesmo tomando todos os cuidados e tendo a documentação necessária regularizada, é preciso ter em mente que o risco de um acidente sempre vai existir. Por isso, é importante estar preparado para um incidente ao transportar cargas.

Algumas medidas simples podem minimizar os impactos de um incidente com cargas perigosas:

Avise os órgãos responsáveis

Em uma emergência, as autoridades saberão como agir para solucionar o problema o mais rápido possível.

Avise os outros motoristas sobre a natureza da carga que era transportada

Essa ação pode reduzir o risco de prejuízos a terceiros.

Neutralize a substância que vazou

Especialmente quando se tratar de algum produto inflamável, agir com rapidez é fundamental para minimizar os riscos.

Procure assistência médica

Em caso de ferimento do motorista ou de terceiros, a primeira providência deve ser buscar ajuda médica especializada.

Uma imagem que ilustra um acidente de carga

Como se prevenir durante o transporte de cargas perigosas?

O transporte de cargas perigosas é uma atividade que traz riscos tanto para os próprios motoristas quanto para as empresas que atuam no setor de transportes. Então, é fundamental saber como se proteger dos diversos tipos de incidentes que podem ocorrer.

Além dos riscos à integridade física do motorista e de terceiros, existe também a preocupação com o impacto financeiro que um acidente envolvendo cargas perigosas pode causar. E uma das melhores maneiras de se prevenir de um eventual incidente é fazer um seguro para mitigar os riscos e minimizar os prejuízos.

Quais seguros podem auxiliar no transporte de cargas perigosas?

A AIG oferece diversos seguros com coberturas ao motorista e também terceiros, além da carga e até mesmo a reparação de danos ao meio ambiente. Conheça abaixo alguns deles:

Uma imagem que ilustra um seguro

Seguro Ambiental Transportes

Pensando nos impactos ambientais que podem ocorrer com um acidente, vazamento ou tombamento de cargas perigosas, a AIG oferece o Seguro Ambiental Transportes, que foi desenvolvido especialmente para quem transporta mercadorias e resíduos e oferece cobertura para possíveis danos que uma carga poluente ou perigosa, possa causar no meio ambiente.

O seguro destina-se a transportadores, embarcadores e empresas de logística em geral e suas coberturas são fundamentais para eventuais danos ao meio ambiente, pois cobrem investigação, remediação, disposição final do resíduo e monitoramento ou remoção da contaminação do solo, das águas de superfícies e lençóis freáticos, além de eventuais danos a terceiros em decorrência da poluição.

Seguro de Acidentes Pessoais para motoristas

A AIG possui o seguro AP Motorista, dentro do segmento de Acidentes Pessoais. As empresas podem contratar este produto e oferecer como benefício aos seus colaboradores motoristas (sejam contratados da própria companhia, agregados ou terceiros) e também tripulantes.

Entre as vantagens do seguro AP Motorista estão as coberturas por morte acidental e invalidez permanente total ou parcial por acidente. Além disso, a AIG oferece também coberturas complementares para casos de despesas médico-hospitalares e odontológicas, diária por internação hospitalar e auxílio funeral por morte acidental.

Seguro de Responsabilidade Civil do transportador de cargas

O transportador que possui a licença de operação da ANTT (Agência Nacional de Transportes Terrestres) é obrigado a contratar o seguro de RCTR-C (Responsabilidade Civil do Transportador de Carga), por transportar mercadoria de terceiros.

Obrigações à parte, é dessa forma que ele opera com segurança. Se algo acontecer à mercadoria transportada, ela estará devidamente amparada, resguardando as responsabilidades e interesses das partes envolvidas.

Seguro RC Operações

Dentro do seguro de Responsabilidade Civil Operações da AIG, voltado ao segmento de transportadoras e empresas com frotas e veículos comerciais, existe um escopo bem amplo, incluindo uma cobertura específica de mercadorias perigosas, que ampara eventuais danos corporais a terceiros causados pela carga transportada.

Seguro para transportadoras

O seguro transportadoras, que oferece proteção para acidentes, avarias e roubos de transportadores rodoviários. Entender os impactos causados por danos às cargas e se prevenir de eventuais prejuízos é um fator determinante para o planejamento de empresas do segmento.

A AIG oferece proteção para empresas que operam no setor de transporte de carga nacional ou internacional, para mercadorias transportadas e responsabilidade civil, com taxas competitivas, rapidez e especialização no atendimento e coberturas exclusivas para garantir a tranquilidade e a longevidade dos negócios.

Leia mais artigos em nosso blog: